Somos todos jornalistas agora

O jornalismo cidadão transformou o cenário dos meios de comunicação. Dê sua sugestão de bons jornalistas cidadãos aqui.

A disseminação da internet fez com que o jornalismo cidadão mudasse o panorama da mídia nos últimos anos. Aqui estão apenas alguns exemplos: as incríveis OhmyNews na Coréia do Sul, escrito quase inteiramente por jornalistas cidadãos; a página de Facebook “Nós todos somos Khaled Said”, criada por Wael Ghonim, que ajudou a desencadear os protestos que derrubaram egípcio Hosni Mubarak; o Drudge Report nos EUA; os blogueiros Han Han (chinês) e Alexei Navalny (russo) que expuseram a corrupção em altas esferas fo governo.

Dê sua sugestão de bons exemplos aqui, explicando as razões pelas quais essa pessoa deve estar lista “Nós criamos”.

Leia mais:


Comentários (4)

As traduções automáticas são feitas pelo Google Translate. Essa ferramenta pode lhe dar uma idéia aproximada do que o usuário escreveu, mas não pode ser considerada uma tradução precisa. Por favor, leia estas mensagens levando isso em conta.

  1. Da, mislim da je gradjansko novinarstvo potrebno i korisno. Kao i u svakoj vrsti zurnalizma, i tu je problem filtracija, odnosno razdvojiti bitno od nebitnog, novinarski clanak od zvrljanja i licnog misljenja. Profesionalizam novinarstva se najpre ogleda u objektivnosti i realnosti. Meni se cini da je sve manje novinarstva, a sve vise licnih stavova. Dobar clanak ne daje misljenje, nego informise. On otvara temu i diskusiju. Mediji su mocno oruzje za kojim se povodi vecina, i jedan novinar mora imati potrebnu dozu odgovornosti.

  2. The importance of the role of citizen journalism is strongly correlated with increasingly oppressive governmental regimes. As the other commenters mentioned, it is most important in regions where traditional reporting is highly controlled and censored. Once a country is past the stage of government censorship however, a lot of citizen journalism ends up being trite, inane, and highly diluted.

  3. A significant role of new media is giving the power back to the people. In 2011 when Libya started a revolution over Twitter, the world witnessed one man make difference. Countries like Egypt and Tunisia are following a similar path in promoting change over social media. Self-expression over a widely accessible medium can impact the path of development as driven by a single individual.

  4. Charls Chater is an example of the US blogger living in Balkan and writing about his experience. Thanks to his blog, there is a lot of help and potential investment coming to Balkan. More importantly, Mr Chater is presenting the culture and traditions thus removing the prejudice that people have about Balkan and Serbia in particular.
    http://serbiathroughamericaneyes.wordpress.com/
    JR

Deixe um comentário em qualquer língua

Destaques

Deslize para a esquerda para navegar todos os destaques


Liberdade de Expressão em Debate é um projeto de pesquisa do Programa Dahrendorf para o Estudo da Liberdade de Expressão, do Colégio St Antony's na Universidade de Oxford. www.freespeechdebate.ox.ac.uk

A Universidade de Oxford